Blog

Seguro Cyber: Seguro de Proteção de Dados e Responsabilidade Cibernética

No comments

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) entrou em vigor no dia 18 de setembro de 2020, estabelecendo diversas regras para todos que coletam, armazenam, compartilham e tratam dados pessoais de terceiros. 

Ou seja, mudanças para muitas empresas! Isso porque o avanço tecnológico alterou a maneira como os negócios são feitos. 

Qual a importância disso?


A comunicação online, a coleta e a manipulação de dados de forma virtual (das mais diversas fontes e ordens) são cada dia mais normais dentro das empresas. 

Apesar do lado positivo, essa situação trouxe mais uma forma de perigo: os ataques e riscos cibernéticos – problemas que já são uma realidade e que preocupam pessoas e principalmente, as companhias.

Com isso, proteger a empresa de situações como uma invasão hacker, vírus ou malware; acessos não autorizados à rede; e/ou vazamento de dados de terceiros é fundamental para garantir segurança financeira e bom funcionamento de qualquer organização.

O Seguro de Proteção de Dados e Responsabilidade Cibernética veio para auxiliar as empresas neste cenário tão frágil. 

Trata-se de um seguro novo e poucas seguradoras oferecem esta modalidade no Brasil.

Para te ajudar a entender mais sobre esse novo mundo dos negócios, esse conteúdo explicará o que é essa nova lei, o porquê o uso de dados é benéfico para as empresas e como esse seguro é importante para toda organização.

O que é a LGPD?


A
Lei Geral de Proteção de Dados, também conhecida como LGPD, foi criada pensando em garantir a segurança da privacidade dos dados na internet. 

De acordo a lei, nenhuma empresa poderá possuir e tratar dados pessoais (nome, e-mail, endereço, CPF etc.) e dados sensíveis (sexo, etnia, dados bancários, entre outros) sem comunicação e o prévio consentimento do usuário e/ou cliente.

Ou seja, caso seu negócio faça o compartilhamento de dados de clientes com terceiros, compartilhamento de dados de colaboradores, ações de marketing, interações em APP e comunicação por whatsApp, é preciso ter a autorização das pessoas envolvidas. 

Então, se você, dono de uma empresa, conta com o auxílio de dados dos clientes para finalidade internas e externas, é recomendado que redobre os cuidados com a segurança dessas informações. 

Entre as sanções da LGPD, estão a possibilidade de advertência, proibição de atividades relacionadas a dados, obrigatoriedade de publicar o descumprimento e multas que podem chegar a R$ 50 milhões para empresas que tiverem esses dados vazados.

Seguro Cyber

Nenhuma empresa quer parar com suas atividades ou pagar multas altíssimas que podem prejudicar seu bom funcionamento. Então, o cuidado é essencial!

Os ataques cibernéticos estão cada vez mais difíceis de identificar e se proteger contra eles também. 

É por isso que o seguro Cyber auxilia as empresas a resolverem problemas de ataques cibernéticos.

Caso aconteçam, este seguro ainda cobre as indenizações oriundas de reclamações de terceiros que entrarem com ação contra a organização e as despesas necessárias para resolver a questão.

Por que contratar?

Contrar este tipo de seguro já é importante para evitar ataques e prejuízos financeiros, mas com da chegada da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), o seguro cyber tornou-se essencial para as empresas. 

Que os ataques cibernéticos estão crescendo a cada dia é fato. Mas, você sabia que o Brasil está entre os principais alvos dos hackers no mundo? E muito se engana quem pensa que esses criminosos procuram por grandes empresas. 

Na realidade, a grande maioria destes ataques acontecem em pequenas e médias empresas.  O motivo é simples: são essas que normalmente estão mais vulneráveis e pouco preparadas para lidar com este tipo de situação.

Mas, afinal, o que são esses ataques?

São os vazamentos de dados, negação de serviço, extorsão cibernética, entre outras ameaças que procuram por dados dos clientes, contratos, informações confidenciais etc. 

Em resumo, uma invasão hacker, vírus ou malware, acesso não autorizado à rede ou vazamento de dados pode levar empresas a acumularem grandes prejuízos. Mas isso tudo é resolvido com o seguro cyber. 

Quem pode contratar?


O seguro cyber foi desenvolvido para auxiliar as empresas em relação a LGPD e os ataques cibernéticos. 

Também é útil ajudar os responsáveis por essas organizações a entenderem como  lidar com a responsabilidade referente a proteção, gestão e manuseio de dados pessoais de seus clientes. 

Como principal objetivo, este seguro visa diminuir ou eliminar as consequências em caso de perdas dessas informações corporativas. 

Mas, como dissemos, o seguro cyber é ideal para todo tipo de empresa, de grande a pequeno porte. 

A Polomasther


Trata-se de um produto novo, por isso, o seguro cyber é encontrado em apenas algumas corretoras no Brasil. É o caso da
Polomasther!

Com uma equipe especializada, qualificada e experiente, a Polomasther está sempre em busca de inovação e novidades que ajudem a vida de seus clientes, como o seguro cyber.

Os anos de experiência no mercado com o seu grande diferencial do atendimento personalizado, este é apenas mais uma forma que a Polomasther encontrou para sanar uma necessidade da sociedade. 

Além desse e outros seguros, também disponibilizamos certificados digitais (como e-CNPJ ou e-CPF, por exemplo).

PolomastherSeguro Cyber: Seguro de Proteção de Dados e Responsabilidade Cibernética

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *