Seguro viagem internacional em tempos de Covid-19: entenda a importância

A pandemia de covid-19 mudou a nossa vida. Alguns elementos que nunca imaginamos – como máscaras, álcool gel e distanciamento social –  passaram a fazer parte do cotidiano de pessoas ao redor do mundo. 

Outro ponto que passou a fazer parte do dia-a-dia foi a preocupação com o contágio pelo coronavírus e a necessidade de adiar ou cancelar planos. 

Um dos setores mais impactados por esse cenário foi o do turismo. Em 2020, diversas viagens foram canceladas por conta da pandemia.

Em 2021, com a melhora no cenário da pandemia, essa área da economia passou a ser movimentada novamente, mas nem todo mundo se sente confiante para voltar a viajar.

Afinal, imagine estar em um lugar paradisíaco e, do nada, começar a ter sintomas de covid-19 e ter que cancelar todos os planos para não ter complicações na saúde ou infectar terceiros. 

No caso de viagens internacionais, essa preocupação é ainda mais acentuada, já que encontrar assistência médica em um país completamente desconhecido não é tão simples e pode custar muito caro. 

Para poder aproveitar de forma mais tranquila, o seguro de viagem é uma ótima opção. Com ele, você consegue se divertir com a certeza de que terá respaldo caso um imprevistos aconteçam. 

Saiba mais!

O que é seguro viagem?

O seguro viagem é um serviço que presta suporte com objetivo de ajudar o viajante a resolver problemas que podem surgir durante o período fora de casa.

Na maior parte dos casos, a contratação é opcional, mas para alguns destinos internacionais, como para países europeus, entre outros, é item obrigatório.

No geral, é recomendável ter esse seguro que, além de evitar dores de cabeça, é uma forma de poupar gastos inesperados, que podem comprometer suas finanças. 

Embora possa parecer um dispêndio de dinheiro no primeiro momento, os valores gastos serão muito maiores caso você dependa de assistência médica em um lugar com moeda estrangeira. 

Além disso, é comum que os viajantes já tenham uma quantia de dinheiro limitada para ser usada durante a viagem em passeios, restaurantes e outros destinos turísticos. Uma despesa inesperada com médicos e remédios desbalanceia completamente esse orçamento. 

Outra vantagem do seguro viagem é que, dependendo da modalidade, também é oferecida indenização para o contratante, por exemplo, em casos de cancelamento. Prático, não é mesmo? 

O seguro viagem também pode oferecer assistência em casos de extravio de bagagens, voos cancelados, entre outros transtornos. Tudo depende do tipo de contratação que você faz. 

Seguro e assistência viagem, qual a diferença?

Atualmente, o seguro e a assistência viagem são contratados ao mesmo tempo. A diferença entre eles é o tipo de serviço prestado. 

O seguro funciona por meio de reembolso. Ou seja, o viajante gasta os valores necessários e a seguradora faz o ressarcimento. A assistência, por sua vez, permite que determinados casos sejam atendidos sem gastos extras. 

Entretanto, a assistência tem áreas de atuação mais limitadas, por isso o seguro muitas vezes é necessário. 

Após resolução de 2014 da SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), o contratante não precisa mais se preocupar com isso e tem a certeza de que será assistido não importa onde. 

O que o seguro viagem cobre?

Também de acordo com essa resolução da SUSEP, o seguro viagem precisa cobrir pelo menos um dos seguintes serviços:

  • Regresso sanitário: garante retorno do viajante ao país, estado ou cidade de origem em caso de doença;
  • Despesas médico-hospitalares ou odontológicas: resguardam o viajante em caso de gastos necessários nessas áreas, sejam súbitos ou causados por acidentes;
  • Traslado médico ou do corpo: transporte necessário para atendimento médico, seja para clínicas, hospitais ou até mesmo em outra localidade. O traslado do corpo ocorre em caso de morte, para que possa retornar ao local de origem;
  • Morte em viagem: garante o pagamento do valor do seguro estipulado em apólice para os beneficiários do assegurado. O traslado do corpo também pode estar previsto neste tópico, dependendo das condições da seguradora; 
  • Invalidez por acidente durante a viagem: seja ela permanente ou parcial, o seguro pode cobrir esse ponto para garantir mais tranquilidade para quem o contrata 

Tudo isso deve ser discutido com a seguradora no momento da contratação para evitar surpresas e situações desagradáveis.

Contrate seu seguro com a Polomasther!

Nada melhor do que contar com uma seguradora de confiança para contratação desse serviço. Afinal, queremos que você tenha tranquilidade e, para isso, o seguro viagem não pode ser mais uma dor de cabeça. 

A Polomasther tem mais de 27 anos de atuação no mercado de seguros e pode oferecer o melhor para você! Chame a gente e tire todas as suas dúvidas!

PolomastherSeguro viagem internacional em tempos de Covid-19: entenda a importância

Posts relacionados